‘Marcelo Nóbrega sempre foi o queridinho do casal Rollemberg’, afirma ex-secretário

 

Por Fred Lima

 

Não bastasse a queda do viaduto no coração de Brasília em fevereiro, o Palácio do Buriti agora tem de lidar com o escândalo da operação (12:26), que atingiu em cheio o núcleo do governo em ano eleitoral. O nome da bomba chama-se Marcelo Nóbrega, homem de confiança do governador, Rodrigo Rollemberg, e da primeira-dama, Márcia Rollemberg.

Um ex-secretário do GDF, que pediu anonimato, afirmou ao blog que avisou o governador sobre supostos lobbies do ex-assessor da Casa Civil: “O Marcelo sempre foi o queridinho do Rodrigo e da Márcia. Duvido muito que eles não sabiam de nada. Eu o avisei, bem como sei que outros assessores também o alertaram. Não pode reclamar agora”.

O outro lado

O governo de Brasília divulgou nota nessa terça-feira (07/8), sem entrar em detalhes quanto a acusação que recai sobre o homem de confiança do chefe do Executivo, se limitando a dizer que “O servidor Marcelo Nóbrega pediu exoneração do cargo comissionado que ocupava na Secretaria da Casa Civil, Relações Institucionais e Sociais”.

 

Da Redação

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *